Que país é esse?

Monday, October 20
Desde que a Odele, mãe da Flávia, começou a visitar este meu humilde espaço, ando pensando em fazer um post que falasse de sua luta com a Flávia, de como a justiça neste país é ridícula, como a impunidade é presença cativa no nosso cotidiano.
Então aconteceu o sequestro da menina Eloá. E esta menina morreu porque não queria mais o namorado. Foi só isso. A vida é frágil e sem valor deste jeito.
Estava vendo cenas de pessoas indo ao enterro da Eloá, uma senhora sendo entrevistada. Ela dizia: "Acompanhei o caso do sequestro, amo a Eloá como uma filha!"
Como assim, cara-pálida?
Eu duvido que daqui a um ano esta criatura vá lembrar desta menina que morreu tão precocemente e e de uma forma tão ridícula. Porém eu garanto que a mãe dela vai guardar os momentos de tensão que viveu para sempre. Eu imagino que na época em que ocorreu a tragédia com a Flávia, a Odele recebeu muito apoio de anônimos e demonstrações de carinho... Dez anos depois, quem sabe? Virou um caso, um número, mais um retrato dos absurdos que acontecem neste país. Mas esta mãe continua a segurar a mão de sua filha todos os dias, sabendo que por causa da negligência de terceiros. Continua a lutar por uma justiça que deveria ter chegado faz tempo. Que tem a força de não desistir nunca, um exemplo de perseverança e amor.
Nós, pobres mortais de memória curta, não fazemos idéia da luta destas mães, pais, da dor... Nos chocamos com uma notícia (muitas vezes mostrada de uma maneira que até desrespeita o sofrimento destes.) e voltamos à nossa vida. Eles terão de enfrentar as consequências destes atos para sempre.
Até quando a impunidade vai reinar neste país? Até quando teremos que ver assassinos negando sua culpa, empresas culpadas não sofrendo a devida punição?
Quantas Flávias, Isabellas, João Pedros, Elóas serão necessários?

4 consideraram:

Lis said...

Naty,
(mudou o sistema de comments?)
Espero que já tenhas melhorado da cólica. Ninguém merece segundona com cólica.

Bueno, o namoro tá a milhão, hein? Beleza, só falta deixar pra lá essa história de ressaca moral. Sorria!

o caso da Flávia é de fato revoltante. E pior que esses casos de crime passional. Um pouco esses caras ficam na cadeia. Empresas que atentam contra a vida de seus clientes não chegam nem na porta. Muito bom teu texto a respeito, viu?

Beijos e boa noite!

Nathi said...

eu acho que tinha que ter é pena de morte..
pq os caras matam um monte,pegam 30 anos,
recorrem de 34902849023840 formas...reduzem a pena,passam 2 anos na cadeia e depois saem matando de novo --' só nesse país de lixo --'

Nathi said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Reicla said...

O mundo tá cheio de loucos e desiquilibrados, estão por aí disfarçados, quando a gente menos espera resolvem que tem que decidir pela vida dos outros. Um saco isso! Tinha que ter pena de morte mesmo.
Naty.. um beijo e bom dia!To na torcida pra vc ficar bem!

Post a Comment